.

.

Este militante anti-cinzentista adverte que o blogue poderá conter textos ou imagens socialmente chocantes, pelo que a sua execução incomodará algumas mentalidades mais conservadoras ou sensíveis, não pretendendo pactuar com o padronizado, correndo o risco de se tornar de difícil assimilação e aceitação para alguns leitores! Se isso ocorrer, então estará a alcançar os seus objectivos, agitando consciências acomodadas, automatizadas, adormecidas... ou anestesiadas por fórmulas e conceitos preconcebidos. Embora parte dos seus artigos possam "condimenta-se" com alguma "gíria", não confundirá "liberdade com libertinagem de expressão" no principio de que "a nossa liberdade termina onde começa a dos outros".(K.Marx). Apresentará o conteúdo dos seus posts de modo satírico, irónico, sarcástico e por vezes corrosivo, ou profundo e reflexivo, pausadamente, daí o insistente uso de reticências, para que no termo das suas análises, os ciberleitores olhem o mundo de uma maneira um pouco diferente... e tendam a "deixá-lo um bocadinho melhor do que o encontraram" (B.Powell).Na coluna à esquerda, o ciberleitor encontrará uma lista de blogues a consultar, abrangendo distintas correntes político-partidárias ou sociais, o que não significará a conotação ou a "rotulagem" do Cidadão com alguma delas... mas somente o enriquecimento com a sua abertura e análise às diferenciadas ideias e opiniões, porquanto os mesmos abordam temas pertinentes, actuais e válidos para todos nós, dando especial atenção aos "nossos" blogues autóctones. Uma acutilância daqui, uma ironia dali e uma dica do além... Ligue o som e passe por bons e espirituosos momentos...

terça-feira, 1 de setembro de 2009

O BARALHO




O BARALHO



-Que… ver…go…nha…, se…nhor… pre…si…dente....

-Olha lá… andas a ler muito mal…

-É das cataratas… pá! Um dia dêstis tenho que ir até Cubã… Ai, ai as minhas cruzis…

-A deborcar-te assim sobre o sinal e depois queixas-te… não te esqueças que já não tens setenta anos!

-Já te dissi que vêjo mali…

-Tá bem, deixa!




-Ah! Faneca… repara-me naquela moça de calções…

-E dizes que vês mal… de onde é que viestes, pá?

-Do Ribêro Seco!

-Não é isso! Nem pareces de cá! Aquela garota não é a tua bisneta?

- ??? Olha… pois é!

-Achas que um carro consegue passar por aqui?

-Até dois ou trêis…


-Dois ou três, quê?! Dois ou três um raio! Mal cabe um por aquele lado!

-Dois ou trêis…pois! Seguidinhos, uns atrás dos outros…

-Ehhh! Lááá!

-Vai bugiári! Queres sabêri? O meu Ligiêri tambê passa por’qui ás mil maravilhãs!


Oh! Pá! Mas a carrinha dos alumínios se calhar já só passa á rasquinha!

- Isto já por aqui está… vai para uns tempitos…

-Pr’ái há uns dois diazitos…

-Dois diazitos? Ná… Mas para uns quatro ou cinco…

-Hum... Não tarda nada e estás a dizer que isto já cá canta há uma semana…

-Uma semanã tambê não… mas há uns quinze diazitus ou ainda mais… talvêz…

-Os tipos da junta não saberão disto?


-Tú és burro ó quêi? Então nã sabem lá agorãã! Queres ver que fostis tú quêm vêo pôr aqui os sinais!!!


-Oh! Pá! Os gajos são só promessas antes das eleições e depois… é o que se vê!

-Sã todos iguãis!

-Atão…. Mas afinal o que é que para aí está?

-Um buraco, óóó compádri!

-Um buraco???

-Hum… Está pr’ áqui um bico d’obrãã… isso é que éi…

-Ah! Ah! Ah! Já sei! É para o pessoal não esquecer o nome da rua!

-Cômo assim?

-Rua da Quinta dos Bicos!

-As côsas qui sabis…

-Aquela além é a Rua da Bela Vista e esta atrás é a Rua da Caniceira… vêm as duas acabar nesta Rua dos Bicos… estás a ver?!

-Estou a veri, estoue! Ainda vêjo beim, olha lá a pôrrãã!

-Não és tú quem precisa de ir a Cuba?

-Porquêi?

Tú é que tens as cataratas!

-Estou a veri, estou! Tenho as cataratas mas ainda vejo bêim, olha lá a pôrrãã!!!

-Eh! Pá! Os jornais são quem devia saber disto!

Do quêi? Das minhas cataratas?

-Não, pá! Desta trampa!

-Estão de fériããs…

-Os jornais agora também tiram férias? Pensava que as férias eram só para as pessoas!!!

-Pois… Tiram fériããs e os nossos presidentis támbê!

-È tramado! E quem se lixa é o mexilhão!

-No Crucifixo, quasi ao cucuruto da Rua das Caladas támbêm é tramádu!!! Lá está uma tampa de esgoto abãtidã que aquilú éi mesmo um perigú…


-E tem sinais como estes?

-Nêm por issuu… O presidenti da juntã nã devi passar por lá vai para muito mêis… há tempos arrumê um porradão c’o meu bolinhãs que o desgraçadú ficou a andar de ladú e foi-si uma roda p’ró galhêro!


-Oh, pá! Há ruas que estão uma pouca-vergonha!

-No outro dia fui a uma consulta no Hospital de Abrantes…

-Ao hospital? Então não tens um posto médico aqui no Tramagal?


-Tenho, mas é um atraso de vida para conseguir uma consulta… assim vou enAbrantis… mas nã te esqueças onde vais… ia no meu bolinhas e antes da recta da pinheira, nas curvas saltê por cima de uns cavacos que estavam caídos no alcatrão…

-E não te partiste todo?

Foi uma sorti, nã me têri espatifado tôdu!

-Tiveste mesmo sorte, pá! Isso foi aquela árvore que caiu de seca!

-Qual árvri?

-Uma que estava tombada nos fios do telefone!

-É uma falta de respêto pela genti…

-Olha… conheço um sujeito que mete umas coisas naquelas modernices da interneti…e até podia dar um jeito nisto …

-Atão… queres lá tú dizeri que esse tipú vêm consertari istúú? Éi?

-Não! Mas fica muita gente a saber destas poucas-vergonhas e parece que até funciona!

-Inda nã estou a percebeêri… o tipo faz poucas-vergonhas? Éi?

-Não, pá! O homem vem aqui, tira fotografias, depois escreve umas coisas e põe tudo escarrapachado na interneti! As outras pessoas lêem… até na Europa e pelo mundo fora!

Os responsáveis que nos governam, para acabarem com boas reformas, ficam um pouco incomodados porque toda a gente passa a saber destas misérias e mandam logo consertar as coisas públicas!

-Acabarem com as bôas reformãs? Atão queres lá tú vêri qui agora vou ficari sem a minha reformazitãã?

-Não é isso, porra! Eles é que passam a receber reformas bem calçadas!

-Conhece-lo? …

-A quem?

Ao tipo lá da interneti!... Poçãs… Havia de ser ao sapatêro?

-Sim… de vez em quando converso com ele… é só encontrá-lo e está a andar! Tenho quase a certeza que ele denuncia esta pouca-vergonha!

-Olhãã… Vamus a uma partida de suêca?


(Xiii! Desculpem… não era esta, a imagem da sueca)

-Lá estás tú! Depois vamos a um tintol e quando chego a casa tenho que ouvi-las da minha Maria!

-Vá andôr até ali á táscãã

-Fiiifiii… fii… fi.. . fiii… Fiiifiii… fii… fi.. . fiii…


(Mas esta)

-Vamos aqui ao “Tobias”

-Não que esse está de férias…

-Atão, vamos ao “Subtil”!

-Mas no “Subtil” estivemos ontem…

-Então aqui ao “Verguinhas”…

-Também pode ser… vá! … Fiiifiii… fii… fi.. . fiii…

-Pára de assobiar para o ládú e nã te olvides de falar com o tipú… está bêm?

-Qual tipo?

-As águas aqui do Tramagali andam a fazer-te mali!

-Mas qual tipo???

-Esse da interneti ou lá que éi isso!

-Ah! Com o Cidadão! Ai a minha cabeça… Ando a ficar um bocado esquecido!

-É das águas do Bairrão…Eh! Eh!


-Porra pá! Já me fizeste espalhar as cartas!

-È da tremidêra…

-Da tremedeira, o quê? Ainda estou aqui para as curvas! Olha só para mim a dançar o Fandango!

-Nã admirãã… já batis mal do baralho!

-Só me apetece mandar-te pró… pró… pró…??? Aie … outra vez a minha cabeça… Onde é que ia?



21 comentários:

Tramagalense disse...

Boas Cidadão

Pelo que vejo o Cidadão conhece bem os cantos à casa e andou a fazer ronda pelos quatro e encontrou umas "coisitas", quue não estão nos conformes.
Mas olhe Cidadão, não se meta em grandes aventuras porque o Presidente da Junta não gosta que lhe façam críticas negativas ao seu trabalho. Para além do mais o homem está de saída, pra não voltar.
Mas há que falar dos casos um a um porque as eleições estão à porta e quem entrar de novo tem de saber para ao que vai.

Saudações tramagalenses

Cidadão abt disse...

Olá Tramagalense!
Cá o Cidadão, desde tempos remotos que sempre curtiu a aventura!
E está provado cientificamente que, quem não gosta,come menos... mas também é certo e sabido que a seguir à postagem deste artigo, pelas 13h13m de 1 de Setembro, já houve quem "colasse", retirasse umas idéias e aproveitasse umas dicas!
Antes assim do que ao contrário!
Há que dar voz ás pessoas e expandir a insatisfação demonstrada pelas gentes através daquele papelito colado no sinal há uns dias!
Não digam agora, que cá o rapaz deu conta daqueles papelinhos, primeiro do que as edilidades e respectivos pretendentes à cadeira!
É que a coisa já dura, vai para cerca de um mês, frente ao 340!
Ao menos, os próximos a cavalgar o poder ficam cientes que têm um Cidadão atento à perna, sem olhar a credos ou cores partidárias!
Isto não é só desembolsar impostos de toda a espécie e feitio, a torto e a direito!
O "pagas e não bufas" tem que acabar.
Há que lhes darem a devida utilidade!
Até outra bitáitada!

Fátima disse...

Caro amigo. Pelos vistos anda a tornar-se o freelancer da região. Ao fim de um mês, foi necessário você dar o alerta para a situação em apreço, e só então outros lhe colherem a idéia crítica. Até agora,nunca eles passaram pos essas ruas?
São ruas desertas.
Depois de lido o comentário deixado pelo Tramagalense, atente-se que essa junta se limitará a uma política de gestão, a poucos meses que estamos das eleições. Será herança para os vindouros, visto que estes estão de abalada.Cada deterioração na via pública terá direito a um sinal amarelo e nada maís. É o tal respeito pelas populações. Antes da eleições até vão ás festas e romarias, dão abraços, beijinhos e muitas simpatias, desatarracham lâmpadas aos velhinhos e depois acabaa sempre na mesma pouca vergonha.
Esta cidade está a tornar-se muito cosmopolita. Se me permite, mudando um pouco o rumo á conversa, foi com surpresa e espanto que ouvi a explicação dada pelo comandante da polícia á comunicação social, rádio Antena livre, face ao questionado pelo presidente da câmara, ao crescendo do vandalismo urbano a olhos vistos!Meia cidade ficou estupefacta perante a explicação do senhor comandante, que não há queixas das vítimas do vandaslismo, na polícia!As vítimas são diárias, roubos de carros e motos, assaltos a transeuntes e de há um ano para cá, agravou-se.
Todos sabemos que os denunciantes que vão ao posto da PSP, ou que telefonam, são desmotivados pelos próprios agentes da autoridade a seguirem com as queixas para a frente, alegando diversas razões de âmbito pessoal, de comodidade e de segurança!O comandante da PSP desconhecerá estas praticas? E maís, não será necessário cairem queixas para despoletar as necessárias rondas de rotina. Afinal a polícia é para estar fechada dentro dos postos, com função escriturária, ou serve para nos proteger e conferir a segurança pública, em sucessivas rondas? Os vândalos aproveitam-se e são cientes disso. Sendo uma meia dúzia ou pouco menos e a polícia não consegue pôr mão neles?
Afinal porque é que o Centro C. Milénio está práticamente encerrado?
Somos todos uns tontos, ou quê?
Agardeço que publique.

Artur :) disse...

É a politica do laxismo e do deixa ficar. Os vindouros que resolvam. Haja gente que vá alertando para estas tristes situações...as eleições aproximam-se a passos largos e com elas, a escolha.

Joaquim disse...

Olhem que isto é importante. Foi necessário um de fora, suponho eu de que, alertar para um caso que já se arrasta há uns tempos, para depois aparecerem os da terra a pegarem no assunto. Até agora não tinha interesse? Sentido de oportunidade,hem? Nao se realizou por ali nenhuma festa, nem nenhum bailarico? Parece-nos que as coisas só andam a toque de caixa. A junta e a câmara, capitularam? Acabou-se a cheta para a manutenção das vias? Aquele lixo na rodunda do Rossio deixou de aparecer. Será que os poluidores foram de férias, ou o resultado de alguma acção mais mediática que envergonhou os autores? O cidadão saberá explicá-lo?
Continue nas suas andanças.

Anónimo disse...

Eu sou um tramagalense de cara destapada. Você é um disfarçado ou com vergonha de o ser. Não sou do partido deles mas sou tramagalense. É bem feita e toma lá que já almoçaste. Pensas que és o maior. Não tenhas medo e publica o comentário.

Cidadão abt disse...

Olá, Fátima,

Pelos vistos já alguém tinha alertado para o facto em apreço!
Com certeza que a Fátima tinha dado conta disso!
De resto, são muitos abraços, beijinhos, simpatias e lâmpadas desatarraxadas!
Quando os próximos mandatos se consolidarem é que todos passaremos a usufruir em plenitude de todos os nossos direitos como cidadãos anónimos ou não!
De certeza que não nos sairemos gorados e decepcionados! Na parte que toca à Polícia, cá o Cidadão já tinha ouvido uns zunzuns,tal como também lhe contaram sobre essa tal entrevista da Antena Livre!
Então, mas as rondas não são por sistema e rotina? O
Millénium praticamente encerrado? Não fazia a mínima!
Devido aos afazeres profissionais e lúdico-desportivos é sítio que cá o rapaz não frequenta!
Obrigadão pelo seu desabafo e que seja bem aproveitado por quem de direito!

Cidadão abt disse...

Pois é caro Artur,

Esta prática começa por se tornar numa tradição!
Mas também depende... se os candidatos se recandidatarem... também é uma boa época para cativarem votos!
LUFA-LUFA, a mosquinha...

Cidadão abt disse...

Eh! Ganda Joaquim...
Do primeiro acto dos seus bitáites, afigura-se já tudo estar dito e esclarecido com o seguinte comentário postado e contendo seguinte teor:

Cidadão abt disse...
Parece impossível como só ao fim de tanto tempo é que a coisa se tornou com a necessária dimensão pública, pois até ao momento, pelos vistos restringia-se á trilogia Junta do Tramagal, pessoas prejudicadas e mal servidas do Tramagal, e candidatura CDS/PP para a Assembleia de Freguesia do Tramgal,tudo moendo em lume brando. Ao fim de tanto tempo, não houve uma máquina fotográfica á mão dos candidatos pelo Tramagal que registasse, desse maior relevo, expusesse e universalizasse estas tristes anomalias.
Aqui sim, depois de o Cidadão abt arrancar a coisa dos limites das fronteiras do Tramagal, registando em fotos e avançando na Net(a solicito de algumas pessoas) acompanhadas de um texto corrosivo e incomodativo, sendo vocês a prova provada disso, apesar do Vosso post de 31 de Agosto, também idealizado em lume brando, é que Vossas Exas se tiraram de cerimónias e partiram para algo mais acutilante e de maior realce, batendo umas fotos aí pelas 19horas do dia 1 de Setembro, de acordo com o relógio de Sol que tão bem se define!
Agora sim, o assunto está devidamente lançado e aceso, e a prova disso são precisamente os feed-backs dos comentadores atentos e uns quantos mail's que vão chegando, alguns de reconhecimento, sem referir os simpáticos contactos pessoais.
Esperemos que saibam aproveitar positivamente esta deixa, e que esta acção resulte em benefício da população lesada, que não se transforme em conversa fiada e, caros amigos, quanto aos louros, podeis ficar com eles todos, OS LOUROS SÃO VOSSOS, pois por estas bandas só atrapalham!
P´lo tal embaralhado Cidadão abt.


......................

Do segundo acto, retira-se uma cena chamada de "enforcement" que funciona mui bem nas pessoas, sendo directamente proporcional ao seu grau de preconceitos.Pode muito bem ter acontecido isso... Ou aquele receio de ser "agarrado" em flagrante, uma vez que o assunto saltou as fronteiras da rotunda do Rossio, chegando a outros conhecimentos, a outras pressões e a outras insónias! Provavelmente aquilo seria a forma de alguém protestar por alguma razão plausível... mas nem todos os fins justificam os meios... e para além do visual degradante, punha-se em causa a saúde pública!
Não quer isto dizer que o protagonista não volte à carga, caso não tivesse havido intervenção oficial...

Roper disse...

Para esta 'caixa de pirolitos' gostava de enviar, em primeiro lugar, uma calorosa saudação e uma confidência: logo depois do blog do tramagal, este é o blog que de imediato me serve de referência, pela qualidade dos posts e diversidade de links facultados.
Depois, parabenizar pela informação veiculada, numa verdadeira lição de cidadania e demonstrativa que blogs há que podem ter uma postura pró-activa na construção de um debate construtivo, informando factualmente, e não denegrindo numa base negativista.
Melhores cumprimentos
Mário Rui Fonseca

Cidadão abt disse...

Então, senhor anónimo tramagalense de cara destapada das dezanove a dividir por vinte e quatro!
Será concerteza daqueles resignados com a situação em apreço, quiçá os seus impostos lhe deverão fazer pouca diferença na carteira.
Como está a ver, o seu comentário foi publicado, tão só para que outros vejam a sua falta de solidariedade para com os seus conterrâneos... uma vez que só assim, o amigo se sentirá realizado... uma questão de dioptrias...
Ter medo?
Mas medo do quê?
Saberá o anónimo de cara destapada explicar?
Definição de medo... Há que identificar a que tipo de medo se está a referir... para que cá o Cidadão possa estar em consonância.
Começa por um "você"... e termina com um "tú"...
Isso só por si, já é revelador de alguma instabilidade emocional... daí seu anónimo de cara destapada, sentir-se-à envolvido em especial por esta causa? Tudo aponta nesse sentido.
Com senhores como você, caro anónimo de cara destapada, é que não vamos mesmo a lado nenhum... Esperemos que não seja aproveitado para alguma lista partidária...
Ah, e não seja tão emotivo que isso faz-lhe mal à vesícula!
Fique desde já sabendo que o próximo comentário de igual teor que aqui depositar não lhe será publicado... só para não estragar o bom ambiente... tá a ver?

Cidadão abt disse...

Olá grande Roper:

É assim pelos nick-names que cá o Cidadão curte bué de apelidar os seus camaradas bloggers! Camaradas, pois a esta hora, cá o rapaz já deveria estar para aí na fase Ren!

...Mas prontos!
O amigo é mais um que manifesta o seu reconhecimento em relação a estas nóias cá do Cidadão!
A maioria faz no silêncio dos mail's, sempre pedindo:

"não publique isto, está bem?
senão não lhe volto a escrever".

Porque será?

Agora, cá o rapaz tem uma maneira esquisita de escrever, como alguém já comentou nesta chafarica... o interessante é que há alguns neurónios adormecidos que entram em (M.P.A.), Movimento Perpétuo Associativo, num efeito giroscópio de centrifugação quando são visionadas estas tretas!

Também se assim não fosse, isto se calhar, ia caindo no marasmo e no desinteresse!

Ah! Com isto tudo, não significa que o camarada Roper tenha que concordar cá com as idéias do rapaz... senão, para além do sim, nim, pois, concerteza, e outros automatismos afins, corre o risco de entrar em parafuso ou de desmanchar o baralho todo!

Agora, um bocadinho mais a sério... obrigadão pela sua visita a esta chafarica, tá?

Fátima disse...

Aconselava o anónimo de caras, a elevar um pouco mais o nível do seu comentário porque asssim apenas sai em benefício da chicana e do seu próprio ego, mas nunca em beneficio da população do Tramagal. Refere-se a medos, porque raciocina de medo omnipresente. Medo é uma expressão em desuso no conceito de Democracia Participativa. Quanto á sua satisfação pessoal que não é extensível aos Tramagalenses, pois até conheço e reconheço bastantes, já era tempo de se ter apercebido que neste blogue, dentro do seu enorme âmbito de leitores e capacides comunicativas, retirou o assunto "tampas" dos jugos político-partidários da freguesia, catapultando-o para dimensões mais Europeias, na certeza porém de que é sistemáticamente visionado por outras entidades que se poderão interessar na matéria de facto. Mas o senhor, até achou nefasta essa acção. Naturalmente que este Cidadão não será o maior, mas comparando-o a pessoas como o senhor, naturalmente que o senhor anónimo a si se auto-estimou.
Um conselho: neste ou noutros espaços, por favor, seja mais "sociável" para conquistar a consideração dos outros comentadores.
Passe um bom dia.

Anónimo disse...

Oh! Pá. A gente lê cada coisa!
Um anónimo que afirma isto:
"eu sou um tramagalense de cara destapada". Confuso.
Você assuma-se. Não seja incoerente consigo próprio. Ou é, ou não é! Ou é tramagalense, ou não o é! Ou se assume como anónimo, ou de cara destapada.
Por exemplo eu sou um tramagalense que está a escrever como anónimo e assumo-o! O importante nestes espaços, será o debate das idéias e das correntes da opinião e não se é preto ou branco, verde ou vermelho. E você, afinal, é carne ou é peixe? Olhem agora um anónimo de cara destapada. Que disparate! Não terá por acaso diversas caras? E melhore a qualidade dos seus comentários introduzindo algo de útil e produtivo.

Cidadão abt disse...

Muito obrigado à Fátima e ao anónimo das 13:18 pelo reforço e pela redundância bastante reconfortantes cá para o Cidadão que já se julgava completamente descontextualizado nesta intervenção!
Temos pena!

Aqui - Ali - Acolá disse...

Caro Cidadão abt.

Em primeiro lugar os meus agradecimentos pelos parabéns das 5.000 visitas porque afinal, saber reconhecer a virtude de quem nos contempla, é um bem muito saudável e que nos dá alento para que não possamos parar.

Agora uma exclamação minha em relação a este seu post!..

Mas isso aí para esse lado será verdade que anda a ver mal por causa das cataratas?

Não acredito lá muito nisso mas, pelo que leio e vejo aqui neste seu post, acho que a sua visão está óptima.

Não me diga que vc também é de (promessas e mais promessas) para a seguir conquistar algo em benefício dessa palavra?

Bem, mas verdade verdadinha, o que este seu post aqui relata e sempre naquele tom de (toma e embrulha), com a mística numa de desportiva e salutar que nos faz sentir um certo prazer em vir aqui sempre na expectativa de boas surpresas, as verdades aqui estão à vista, e quem não as quiser engolir, que as vomite mas para cima dos culpados e responsáveis pelo que aqui de verdade sempre se vê.

Reforçando as coisas, também eu em tom de verdade vistosa digo:

Vergonha Sr. Presidente!..

Ora veja lá se as cataratas o deixam ler bem isto ok?

Agora o que não quero deixar passar também aqui é uma coisa que magicando eu pergunto:

O que é um Anónimo de cara destapada?
Acho que o Carnaval já passou, ou a máscara tem picos?

Francamente é caso para dizer:

Este mundo está composto de tudo, mas isto será um gato escondido com o rabo de fora?

Bem, será mais um para a sua colecção, acho que para aí vc já deve ter um bom álbum de ignorantes e farfalhudos que é obra, será?

Até quase que aposto que dava para um bom post saído dessa cabecinha pensadora relatando um por um à boa maneira Cidadania.

Pense nisso e vai ver que é Bingo!...

Bom fim de semana e tudo a correr bem por aí e sempre com um pouco de pedantes para não enferrujar os protectores das botas.

Cidadão abt disse...

Olá, Aqui-Ali-Acolá!

Seja bem vindo a esta chafarica!

A única promessa que cá o Cidadão fez, está contida no intróito V.S. cabeçalho do próprio blogue e como o amigo repara, tem vindo a ser cumprida!

Quanto ás cadeiras do poder, não há por aqui pretensiosismos, o que confere uma grande liberdade de expressão e de movimentação!

Talvez haja uns que sejam mais focados do que outros, mas isso deve-se à maior exposição ao Sol!
Mas também leva a que tais agucem o engenho, saindo as populações em benefício disso!

Também é de constatar que através deste meio de comunicação, os nossos co.mandantes não podem meter o pé em ramo verde com tanta leviandade! Atente por exemplo ao blogue Tramagal, ao Abrantes On- Line, etc, no pleno exercício interventivo de cidadania... o amigo Aqui-Ali-Acolá é que se retirou um bocado dessas áreas... mas quanto a isso, cada um sabe de si e Deus de todos!
De anónimos, evidentemente que cá o rapaz também é um... ou não!
Há por aqui muitas boas almas que sabem quem ele é!

É um bom rapaz... um pouco tímido até!

No entanto tem um perfil, uma filosofa e uma personalidade adquiridos na Web, tem um Nick-Name com que se identifica, acompanhado de uma "caraça(s)" escolhida a preceito, cuja cromática só por si, contém densos significados!
Quanto aos "farfalhudos" propriamente ditos, o amigo nem calcula a procura... mas analisadas as escritas e traçados os perfis, vão confluir a apenas dois ou três... havendo um por outro cujo conteúdo dos comentários é intragável por qualquer pessoa minimamente civilizada, e em nossa casa só deixamos entrar quem bem entendermos nem que seja por respeito à maioria dos restantes presentes!
Também há bastantes outros anónimos via blogue ou e.mail's, que não têm nada a ver com este contexto "farfalhudo" e merecem toda a atenção, mas pedem, apesar de anónimos, que não se lhes publique os comentários.
E ainda há os outros que nos locais públicos, trocam sorrisos de cumplicidade e opiniões pessoais de solidariedade!
Dá gozo e satisfação!

Quanto ao próximo post... está no embrião, e para a criança nascer quasi perfeitinha, e afirma-se "quasi" porque os "alvejados" nunca acharão grande perfeição, tem que ser gestado com concentração até aos flasches.

E como o meio de vida não é isto...

Depois de uma pausa de quinze dias??? que parecem uma eternidade, a partir de meados de Setembro Já se sacode o pó ás mochilas e se desenferrujam os protectores por montes e vales!

Boas bitáitádas, a caminho de mais uns milhares de visitas!

Tramagalense disse...

Carissíma Fátima

Quando fiz a afirmação de que " o homem está de saída", não foi com intenção de o desculpar por coisa nenhuma.
Na verdade o que a Fátima afirma ser apenas uma "gestão" é de facto o que se passou durante os últimos 8 anos. Não passou disso mesmo durante dois mandatos inteiros e o que é mais irritante é que o presidente da Junta chama a si os louros das obras realizadas pela CMA no Tramagal, como se fossem conquistas da sua política enquanto autarca. Nada mais falso. Obras desta Junta contam-se pelos dedos de uma mão e visivelmente, não forma além de substituir pequenas zonas verdes por paralelos, nalguns triângulos.
Recordo-me por exemplo, de ouvir dizer que o Crucifixo iria receber alguns dos bancos que sairam do Largo dos Combatentes, aquando das obras de requalificação, pois qual não é o meu espanto que nenhum destes bancos foi colocado no adro da igreja do Crucifixo tal como prometido. Porquê?
Já me chegou aos ouvidos que a oposição chegou a ser impedida de manifestar a sua posição nas Assembleias de Freguesia e o Presidente ainda queria mais participação da população nestas reuniões autarquicas. Pergunto-me de qual seria a reacção se houvesse vozes de descontentamento.
Resumindo, para além de deixar ao abandono alguns locais de excelência do Tramagal, arrancar umas ervas daninhas aqui e ali, sem recorrer aos produtos do Zé Agrográcio e de demonstrar inabilidade para desenvolver qualquer trabalho por sua própria iniciativa, este elenco remeteu-se ao papel administrativo ao qual deu pouco trabalho receber o ordenado ao fim do mês, ao contrário de outras iniciativas por este organizadas.
Vai ser com mal estar que o presidente de Junta cessante vai receber estas minhas critícas tal como o fez noutras ocasiões, em que não aceitou a crítica negativa ao seu trabalho, porque assim parece, não deve haver oposição à gsua gestão porque afinal o programa foi cumprido na totalidade, com a realização da última Gala, excluíndo o Mirante e a Barca não foram requalificados porque ninguém esperava que o petróleo atingi-se os valores que atingiu e na mesma linha ninguém previu que uma crise destas pudesse vir a condicionar o trabalho da Junta de Freguesia do Tramagal.
O povo tem o direito de exprimir o seu descontentamento mesmo que o PS ganhe as próximas eleições e mesmo que isso desagrade ao Presidente cessante.

PELO TRAMAGAL SEMPRE

Maria Marques disse...

Olá amigo cidadão!

Já reparei que, por vezes,os seus comentários incomodam algumas pessoas,mas isso é óptimo!Significa que mexem com os acomodados ou talvez
(na melhor das hipóteses)que atingem alvos certeiros...).
Uma boa tarde para si e continue a (fazer pontaria)!!!

Um abraço.
Maria Marques

MGHORTA disse...

Bem verdade amigo Cidadão, se queres recordar e matar saudades d tua terra, vai ao espaço do 'Cidadão ABT'. :)))

Já aqui não vinha faz tempo, tenho andado a zurrar por outras paragens, mas vejo que tem andado activo, será as vesperas das eleições ???

Parabéns amigo, está com um bom sentido de humor em dizer verdades na altura certa e no tempo certo...

Um abraço forte desde Leiria.

Cidadão abt disse...

ôi! MG!

"Se queres passar um bom bocado vai até ao MG!"
Quanto ao conteúdo deste post, é indiferente à caça eleitoral, estando mais influenciado por uma sequência mais ou menos semanal, de acordo com os flash's e o estado de espírito ou de sugestões vindas do exterior, na medida em que ultimamente, tem havido um certo ciberassédio por parte de alguns apreciadores do género.
Boa sorte aí por Leiria!